domingo, 23 de setembro de 2012

Decida brilhar!


Se você for uma pessoa que brilha, é bem provável que ao longo do caminho encontre pessoas ou circunstâncias que tentarão apagar seu brilho.

Mas, não se intimide! Brilhe assim mesmo!

Nada poderá ofuscar a luz que habita em você!

É dom de Deus!

É graça!

Brilhar é fazer das noites sombrias, versos e poesias.

Brilhar é servir essa mesma poesia em uma bandeja, enfeitada com morangos e cerejas.

Brilhar é juntar o rio de lágrimas desprezadas ao chão e lançá-las a um lugar muito mais alto, onde formam-se as chuvas para o próximo verão.

Brilhar é doar-se por amor, oferecer as mãos junto com o coração.

Brilhar é saber esperar o inverno passar, com o coração aquecido de esperança.

Brilhar é espalhar pétalas no caminho, sem se preocupar com quem vai passar, ou não...

Brilhar é voltar atrás e corrigir o tráfego, reconhecer que faltou barro pra sustentar a construção.

Brilhar é ser diferente!

É ter alma de criança!

É ter mel dentro de si, é brincar com os bem-te-vis... Seja no inverno... Seja no verão!


(Texto de Arnalda Rabelo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário